Notícias do Front

Propriedade Intelectual: Programa Bônus de PI é lançado no Rio de Janeiro
30/06/2010

O Programa Bônus Propriedade Intelectual foi lançado nesta terça-feira, dia 29 de junho, no Rio de Janeiro, com o objetivo de aumentar a competitividade das micro e pequenas empresas. Organizado pela Rede de Tecnologia do Rio de Janeiro (Redetec) e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/RJ), o Programa é resultado de uma parceria destas instituições com o INPI e a Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP).

O bônus pretende facilitar o acesso a serviços que permitam proteger os ativos intangíveis dos empreendedores individuais, micro e pequenas empresas, para que eles possam usufruir dos benefícios gerados pelo licenciamento da tecnologia ou da marca.

Segundo Silvia Carvalho, analista do Sebrae/RJ, durante a elaboração do Programa as reuniões na Repict (Rede de PI, Cooperação, Negociação e Comercialização de Tecnologia) foram importantes para perceber as dificuldades dos empresários em proteger seus ativos intangíveis. Mesmo com o desconto dado pelo INPI às micro e pequenas empresas, muitas vezes os empreendedores desconhecem como fazer isso: o que o Sebrae faz com esse Programa é facilitar o acesso por meio de subsídios.

Os serviços apoiados pelo Programa incluem identificação da melhor proteção à propriedade intelectual (PI) pela empresa; busca no banco de dados de patentes; redação do pedido de depósito de patentes, desenho industrial, software e marcas; além do próprio depósito dos pedidos, entre outros. Cada empresa tem o limite de R$ 6.000,00 por ano, sendo 90% dos custos subsidiados no caso de empreendedor individual e 80% no caso de micro e pequenas empresas. Podem participar do programa empresas localizadas no estado do Rio de Janeiro.
 

 

Fonte: INPI